Relato do ato da Vila Autódromo

Organização Popular

No dia 20 de junho, na comunidade Vila Autódromo, na Baixada de Jacarepaguá, vários setores do movimento social se reuniram para prestar solidariedade aos moradores da ocupação que, nos últimos 20 anos, vem sofrendo assédio não apenas das autoridades governamentais como também das empresas de construção civil que já dividiram o espaço urbano do Município do Rio de Janeiro. O caso da Vila Autódromo é emblemático, uma vez que se apresenta como um espaço ocupado há mais de 40 anos por um conjunto de famílias que hoje está na sua terceira geração e que, por força dessa permanência, encontra-se com os laços apertados ao local. Muitos dependem sobremaneira da permanência para a manutenção das suas relações de trabalho e vínculos pessoais cultivados no bairro.

Assim, a questão encontra-se muito além do simples problema de moradia, mas antes, e talvez principalmente, de como os trabalhadores pobres, moradores de favelas e ocupações…

Ver o post original 545 mais palavras

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s