[urgente] Violência de Estado no Morro dos Macacos

Na tarde de hoje, após um arrastão no shopping Iguatemi, a Polícia Militar do Rio de Janeiro subiu o Morro dos Macacos para pegar os “culpados” atirando na entrada da comunidade. Como sempre, a violência institucional atinge com mais força as favelas.

Moradores acreditam que a  polícia matou um jovem da comunidade. Os moradores e moradoras estão apreensivos/a, pois a polícia e a UPP a impede de acessarem determinados espaços do morro e policiais foram flagrados recolhendo as cápsulas das balas. O clima é de total tensão.

O terrorismo de Estado continua afetando física e psicologicamente os que moram em comunidades. A polícia não está dialogando com a comunidade.

2 responses to “[urgente] Violência de Estado no Morro dos Macacos”

  1. wagner says :

    isso é uma pouca vergonha e com essas capsulas tentaram forjar um fragante em um rapaz da comunidade dizendo que essas capsulas eram da arma que supostamente estaria com ele ,alegando que o rapaz teria trocado tiros com os policiais ,sendo que o mesmo rapaz estava em uma festa de aniversário com diversas testemunhas e os policiais confirmando que viram o rapaz trocando tiros com eles . o rapaz levado para delegacia 20ªDP ,pediu o exame de balística e como já era esperado deu negativo , esse rapaz vem sendo perseguido por policiais da UPP do Morro dos Macacos toda vez que ve esse rapaz querem levar pra delegacia para tentar incrimina-lo de alguma forma o propio rapaz ja se apresentou na delegacia e nada consta contra ele ,mas os policia da UPP continuam querendo incrimina-lo de qualquer forma com fragantes forjados .

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s